domingo, março 26, 2006

Audição 21 : 7 Março 2006

GNR
Psicopátria
1986

"Bellevue"
"Pós Modernos"

escolha de Pedro Sousa




De La Soul
3 Feet High And Rising
1989

"Ghetto Thang"
"Jenifa Taught Me (Darwin's Revenge)"

escolha de Pedro Sousa



Doves
Lost Souls
2000

"Rise"
"A House"

escolha de Inês Patrão




Grandaddy
The Sophtware Slump
2000

"Miner At The Dial-a-View"
"Broken Household Appliance National Forest"

escolha de Emanuel Botelho

2 Comments:

At segunda mar 27, 01:43:00 da tarde 2006, Anonymous Paulo Zé said...

Quando se está perante um clássico, que canções escolher? Se fosse o Revolver, iria buscar "Taxman", "Tomorrow Never Nows", e depois ficaria indeciso entre "She Said" ou "Eleanor Rigby". Mas para o "Banana album", ainda pior, pois aquilo está cheio de matrizes pop. E se "Sunday Morning" é a minha canção favorita - choro cada vez que a ouço -, depois, teria dificuldades em escolher as canções. O João, foi pelo clássico, e bem, pois a três representam bem o conceito do disco, mas fico com pena que ninguém se lembre de "There She Goes", que represnta "somente" a cartilha de toda a pop britânica "Indy" dos 80's e ainda 90's.
Agora informções úiteis: saiu uma versão de duplo CD, com 4 canções de "Chelsea Girl" da Nico, e o 2º CD, traz o "Banana" em mono, do "Banana". E asseguro-vos é uma experiência potente, ouvir aquele som bruto. Sobretudo em "Venus In Furs", que o Cale tentou fazer "com um longo e único acorde, inspirado em Phill Spector". Fiquem também a saber,que o crítico João Lisboa do Expresso, um não erudito por não pertentcer ao grupo genial de "Y" "DNA"& afins, traduziu e actualizou um livro com uma excelente entrevista aos VU publicada quase há 20 anos pela Les Inrocks, e foi editado agora um DVD, já existia um CD e K7 vídeo, do reunião célebre de 1994. NÂO PERCAM, e sintam como uma vóvó pode bater na bateria com uma força rítmica mágica.
Podem agora trazer o "VU" dos VU, o tesouro recuperado em 1984, onde se percebe como eles originarm o futuro.Também há uma edição de 3xCD, com concertos ao vivo da época (anos 60), cujo valor histórico é incalculével.
E para acabar, eu não tenho razão em relação aos Velvet, só emoção, e evoco-os: "I'm sticking with you, 'Cause I ran out of glue".
Um abraço, deste vez especial ao João Terência, mas contínuos parabéns a toda a equipa.
Paulo Zé.

 
At quinta abr 13, 01:51:00 da tarde 2006, Anonymous spiv said...

O Jimi e os outros dois fabricam estampados que fazem furor. Ando indeciso entre o Lancashire e a Beira Alta.

 

Enviar um comentário

<< Home